Loading...
Loading...

Tuesday, March 13, 2007

A "sossega"

Fazer ganzas era uma arte. Hoje em dia, como tudo o resto, é uma ciência. Explica-se tudo, há técnicas para tudo, estudadas, com aperfeiçoamentos. Dantes, era mais um virtuosismo. Quem as sabia fazer fumava quando queria, quem não as sabia fazer (satisfatoriamente, de acordo com o critério dos outros fumantes) encostava à box e aguardava pelos 3 bafos da ordem (antes de a passar ao próximo), quando a ganza fosse acesa. Sim, porque o virtuoso do grupo, admirado pelas meninas, secretamente invejado pelos amigos, o que "sabe enrolar bem", é que decide se se faz outra ou não e quando é que ela é feita. Mesmo que a ganza seja da comunidade. E, já se sabe, frase mítica, "quem faz, rebenta". E há até os grupos (totalitaristas, nunca concordei com tal abuso) em que o enrolador de serviço quando a acende, pode decidir dar um 4º ou até (pasme-se!!) um 5º bafo antes de a rodar a 1ª vez, quando entra em vigor oficialmente a regra dos 3 bafos. Ora o maior jagunço, só porque tem mais destreza motora, apanha o maior estalo enquanto os outros têm cócegas na cabeça e vão a tempo de irem estudar para casa (private joke... sim! num blog, e depois?!). As vinganças eram, como em tudo um prato que se serve quente... e, por vezes, tarde.
O enrolador-mor tem mazelas, no entanto. Tal como o guerreiro veterano, possui marcas e sequelas da actividade em que é mestre. A marca de queimadora na "almofadinha" do dedo do polegar direito (ou esquerdo, se for um ganzófilo canhoto). Há quem diga que nunca desaparecem... hehe... (private joke take 2. É o meu blog, eu faço o que me dá na telha!)
Todos do grupo são, no entanto, senhores e donos da sua última da noite. Volta o guerreiro para o seu quartel às tantas da manhã e vai produzir, ele próprio, a sua última da noite, a da "sossega" antes de ir comer deslavadamente yogurte com cereais e bolachas-maria esmigalhadas enquanto alucina com as televendas... Nesta ganza ele é o boss, mal ou bem enrolada ele é que sabe, enquanto a faz, desvirtuosamente, sentado no seu trono da casa de banho e a fuma, à sua maneira, dá moca à mesma... e é verdade. Cartolina, realmente é vitamina. Ou então, a pele dos dedos também batem. Além disso esta é a ganza-treino. O anónimo vai fazendo, fazendo, fazendo... quem sabe se um dia não se transforma, qual crisálida, numa virtuosa borboleta a enrolar charros (borboleta sem qualquer conotação sexual) e passa ele a ser o enrolador-mor?Pois é... começa-se com senhas do vídeo-clube às tantas da manhã e acaba-se com kingsizes (private joke take 3... esta é tão private, tão private que só mesmo eu a vou perceber quando ler). De "gafanhoto" a Kane. É lindo...